Viver no Porto

17.8.13
É sair de casa sozinha depois do jantar, para arejar as ideias, pedir um copo de vinho e acabar a beber sei lá quantos mais com amigos que iam chegando uns atrás dos outros.

6 comentários:

  1. e as saudades que tenho de ter uma vida assim :)

    ResponderEliminar
  2. E já vivem mesmo no Porto ou ainda estão emprestados?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. emprestados, ainda só estamos emprestados.

      Eliminar
  3. q'inbeja!! uma das piores (ou melhores, há dias!)coisas da emigração é isto: sais e sabes que não vais encontrar ninguém conhecido de longa data... às vezes faz falta aquele encontro no café com a malta do costume ou cruzares com um amigo que não vias há anos ou um familiar...pequenas grandes coisas, ai, eu hoje estou com muita saudade!... até da ruas sujas do Porto e da tendinha ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :)
      Eu percebo, eu percebo e só estou a 300Km de casa, não preciso de apanhar um avião para matar saudades...

      Eliminar
  4. Inveja boa, deste lado. Se for onde eu estou a pensar, o vinho é um Douro daqueles macios com carácter, o que melhora tudo. Embora esses amigos não precisem de qualquer aperfeiçoamento.
    E, minha burra, sentimos a vossa falta no tractor. Enfia-te num buraco, mas deixa-nos levar os meninos, está bem?

    ResponderEliminar