*suspiro*

10.8.10
Ainda bem que já comecei O Elefante Evapora-se, porque aparece logo no início um rapaz de trinta anos que se despediu do emprego e que a certa altura diz: "Falta-me a capacidade para levar as coisas a bom porto. A meio caminho, perco-me por estradas e travessas e fico a ver navios."
Ora, isto soou-me tremendamente familiar e como tal estou ansiosa por saber o que vem a seguir. E se isso não é a melhor coisa que um romance pode oferecer - também não sei ao certo qual é, não sou nenhuma crítica literária, mas quando leio não estou à espera de uma trama, estou à espera de me descobrir dentro do livro -, pelo menos ajuda-me a não pensar neste lindo mês de Agosto.

Se ao menos me apetecesse fazer alguma coisa...

P.S Não acontece nada na vida do rapaz.

Sem comentários:

Publicar um comentário